dor após a cirurgiaUma pergunta frequente nos consultórios de oculoplástica é: Vou sentir dor após a cirurgia? Principalmente de pacientes que desejam realizar uma cirurgia estética e não querem sentir incômodo algum.

O fato da pergunta ser frequente não significa que a respondemos de maneira correta em 100% das vezes. Inicialmente precisamos saber em qual momento o paciente se refere a dor? Antes, durante ou após o procedimentos.

Alguns incômodos leves podem acontecer antes mesmo da cirurgia como pegar a veia do paciente para administração de medicamentos durante o procedimento cirúrgico. Ou, o paciente pode estar com receio de sentir algum incômodo durante o ato cirúrgico, enquanto a cirurgia é realizada. E a terceira hipótese de pergunta é se ele está receoso de sentir dor após a cirurgia, isto é quando o mesmo já estiver saído da sala de que foi realizada o procedimento ou mesmo quando ele já estiver em casa.

Na primeira situação, normalmente é de uma pessoa mais ansiosa e preocupada com incômodos muito leves e que existem recursos como ansiolíticos orais que podem ser administrados antes do procedimento, diminuindo muito este tipo de incidente. Lembramos que é muito raro esta necessidade mas é uma opção para casos extremos.

Na segunda situação, referente ao incômodo durante o ato cirúrgico, os medicamentos sedativos utilizados hoje para uma cirurgia de pálpebra são extremamente seguros e o paciente fica em um estado de sedação, o que nos permite trabalhar de maneira segura e administrar os anestésicos locais sem nem mesmo sentirem o momento da infiltração.

Já na terceira situação, esta sim é a duvida mais frequente. Quando o paciente sai da cirurgia automaticamente já sai medicado com analgésicos, o que diminui muito a chance de ter dor no pós-operatório imediato. Outro fator que normalmente é muito usual e até indicado: a colocação de compressas geladas no pós-operatório imediato, que também é uma forma muito eficaz de analgesia local. Em casa, o paciente permanece com o uso das compressas geladas, analgésicos e anti-inflamatórios prescritos via oral.

A cirurgia de pálpebra não é uma cirurgia considerada dolorosa e é extremamente raro alguém se queixar de ter sofrido com dor no pós-operatório. Portanto, não é difícil responder a estas perguntas e tranquilizar qualquer pessoa que deseje ser submetida a uma blefaroplastia.


Leia também:


Acompanhe a SBCPO nas redes sociais:
Facebook | Instagram | YouTube

Dr. Victor Marques de Alencar

Dr. Victor Marques de Alencar

CRM 32760

CRM-MG 32760 - RQE 15077 - Ph.D pela FMRP-USP, Fellow em Oculoplástica no HCFMRP-USP, Oftalmologista pela SCM-BH, Prof. de Anatomia, Conselheiro CRM-MG. Trabalha com cirurgia de nexos dos olhos com ênfase e expertise em cirurgia de órbita e pálpebras. Experiência internacional (Canadá, Argentina, México, EUA e Itália).